“NÃO MATEM OS MANIFESTANTES”, DIZ TRUMP SOBRE VIOLÊNCIA NO IRÃ

“NÃO MATEM OS MANIFESTANTES”, DIZ TRUMP SOBRE VIOLÊNCIA NO IRÃ

A polícia e as forças de segurança iranianas dispararam balas reais e gás lacrimogêneo para dispersar manifestantes que protestavam contra as autoridades, que negaram inicialmente ter abatido um avião ucraniano. As informações foram divulgadas nesta segunda-feira, 13, informou hoje (13) pela agência Associated Press (AP).

Organizações não governamentais de defesa de direitos humanos já pediram ao Irã que permita que as pessoas protestem pacificamente, conforme permitido pela Constituição.

Na manhã do último domingo, 12, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, advertiu os líderes do Irã, na sua conta oficial do Twitter ele pede às autoridades do país que “não matem os manifestantes” que estão participando de protestos antigovernamentais. “O mundo está de olho. E, mais importante, os Estados Unidos estão de olho”, acrescentou.