PORTA DOS FUNDOS: SUSPEITO DE LIDERAR ATAQUE É FILIADO AO PSL

PORTA DOS FUNDOS: SUSPEITO DE LIDERAR ATAQUE É FILIADO AO PSL

O empresário Eduardo Fauzi Richard Cerquize, identificado por liderar o ataque ao canal Porta dos Fundos, é filiado ao PSL, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Fauzi faz parte dos quadros da legenda desde 2001 na cidade do Rio de Janeiro e seu cadastro está regular. A informação foi divulgada pelo BuzzFeed News Brasil.

O delegado responsável pelo caso, Marco Aurélio de Paula Ribeiro, da 10ª Delegacia de Polícia (Botafogo), disse, em entrevista coletiva hoje (31), que Fauzi já responde por crimes de ameaça, lesão corporal, e delitos enquadrados pela lei Maria da Penha. Apesar de identificado, ele ainda não foi preso e é considerado foragido. “O Eduardo tem um perfil violento. Tem um perfil antagônico. Ele tem livros ligados à religião cristã, ao Islamismo. Esses dados foram apreendidos hoje, durante a busca e apreensão. Ele é empresário, classe média-alta”, detalhou o delegado.

O PSL foi o partido do qual o presidente Jair Bolsonaro foi filiado e pelo qual se elegeu no ano passado. No entanto, neste ano,  o presidente rompeu com a legenda e anunciou a intenção de fundar um novo partido. Fauzi é presidente da seção carioca da Frente Integralista Brasileira (FIB), organização de extrema-direita que antes havia negado a autoria do ataque ao prédio do Porta dos Fundos.

 

Foto : Reprodução/ Youtube