domingo, 14 de julho de 2024
Euro 5.9574 Dólar 5.4654

45% DAS EMPRESAS INADIMPLENTES SÃO COMÉRCIOS

Redação - 28/09/2019 11:00

O setor que concentra o maior número de empresas negativadas é o de comércio, revela pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).

Quase metade (45%) das empresas inadimplentes são estabelecimentos comerciais. O ramo de serviços aparece com a segunda maior participação, concentrando 41% do total de pessoas jurídicas negativadas. As indústrias respondem por 9% do total de empresas inadimplentes, ao passo que as do ramo da agricultura não chegam a 1%. No mês de julho, o maior crescimento de empresas inadimplentes foi no setor de serviços, com variação de 6,75%. No comércio, houve um crescimento de apenas 1,82% e na indústria, alta de 1,51%.

Do lado do setor credor, ou seja, para quem as empresas estão devendo, o destaque é o setor de serviços, que engloba bancos e financeiras. Mais de 70% das dívidas não pagas foram contraídas no ramo de serviços. Depois aparecem o comércio (17%) e as industrias (12%) no ranking de participações.

“Para os próximos meses, espera-se que atividade econômica siga o ritmo de lenta recuperação e que os empresários permaneçam pouco inclinados à tomada de crédito devido ao cenário de grande capacidade ociosa em seus negócios. Em conjunto, esses fatores devem manter o crescimento da inadimplência das empresas em patamares discretos frente à série histórica como um todo”, afirma a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.