quinta, 30 de maio de 2024
Euro 5.6372 Dólar 5.2038

CONSULTORIA PROFISSIONAL TORNA O PROJETO PRÁTICO E ATÉ MAIS BARATO

Redação - 26/08/2019 14:35

“Quebra-quebra”, sujeira e muita paciência. Este é o cenário que logo vem à cabeça de quem pretende dar uma repaginada no lar. Mas a boa notícia é que é possível mudar a decoração de forma profissional, prática, rápida e, o melhor, gastando pouco. Como alternativa aos complexos projetos, arquitetos e designers de interiores passaram a oferecer o serviço de assessoria ou consultoria em decoração. De acordo com a arquiteta Fabiana Candini, as etapas de uma consultoria são muito semelhantes às de um projeto. Entrevista com o cliente, para entender suas demandas e necessidades. Visita ao local para analisar e cadastrar as medidas. Proposta das soluções e acompanhamento nas compras e contratação de serviços. E, por fim, a produção, quando tudo é colocado no lugar e o cliente consegue visualizar o resultado final.

Apesar das semelhanças nas etapas, há uma diferença crucial: enquanto projetos podem prever mudanças de pontos elétricos, de piso, de gesso e até quebra de paredes, a consultoria não envolve soluções com grandes obras. O consultor pode sugerir mudanças na disposição dos móveis, uma determinada nova cor na parede, a aplicação de adesivos sobre os azulejos do banheiro, ao invés de quebrá-los. Tudo isso pode garantir o visual desejado, sem um grande investimento. Assim, a consultoria acaba saindo mais em conta.

A diretora da Associação Brasileira de Designers de Interiores na Bahia, Cátia Bacelar, faz a comparação: “O projeto, que é calculado por metro quadrado, pode custar até R$ 30 mil; já a assessoria, que pode ser feita com até três visitas, é calculada por ambiente e custa até R$ 1.500”. As especialistas indicam o serviço para quem quer apenas “dar um tapa no visual” do ambiente, para quem mora de aluguel e não quer investir em imóveis que não lhe pertencem, ou quem simplesmente quer fugir de obra civil. As palavras de ordem são baixo custo, praticidade e rapidez. O que a advogada Pollianna Lopes procurava quando decidiu mudar o visual de seu apartamento.

Grávida de cinco meses, tudo que ela menos precisava era de “quebra-quebra”, sujeira e atrasos. A consultoria caiu como uma luva para os planos dos futuros papais, que desejavam deixar o lar “a cara da família” para receber a filha tão esperada. Giovanna Magro foi a responsável pela nova decoração do apartamento da família Lopes. A arquiteta explica que tudo depende da demanda do cliente. Com Pollianna, por exemplo, por conta da gestação, a profissional precisou levar objetos de decoração emprestados de lojas para que futura mamãe pudesse escolher de casa. “Isso até ajuda na escolha. Porque, às vezes, o cliente gosta de um jarro mas não sabe onde colocá-lo. Em casa ele consegue visualizar melhor”.

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.