FLÁVIO BOLSONARO QUER FIM DE VEGETAÇÃO NATIVA EM FAZENDAS

FLÁVIO BOLSONARO QUER FIM DE VEGETAÇÃO NATIVA EM FAZENDAS

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) protocolou um projeto de lei para tentar retirar do Código Florestal o capítulo que trata da reserva legal obrigatória em propriedades rurais, a fim de “expandir a produção agropecuária, gerar empregos e contribuir para o crescimento do país”.

Se aprovada, medida extinguirá a obrigatoriedade de ruralistas preservarem parte da vegetação nativa de suas áreas. Atualmente, propriedades rurais na Amazônia Legal têm de reserva legal de 80%; no Cerrado, 35%; e em campos gerais e outras regiões do país, 20%.

Os dois senadores monetizam os recursos naturais da Amazônia, afirmando que o bioma “possuiu em valores de recursos naturais o montante de 23 trilhões de dólares a ser explorado, sendo 15 trilhões em recursos minerais metálicos, não metálicos e energéticos e oito trilhões na superfície, com a biodiversidade”.