CODEBA PREVÊ 240 MIL TURISTAS DE CRUZEIRO EM SALVADOR E ILHÉUS NA ALTA ESTAÇÃO

CODEBA PREVÊ 240 MIL TURISTAS DE CRUZEIRO EM SALVADOR E ILHÉUS NA ALTA ESTAÇÃO

Três navios de cruzeiro chegaram ao Porto de Salvador, nesta quarta-feira (16), com milhares de turistas de Recife, Rio de Janeiro e Búzios (RJ). Juntos, o Viking Sun, MSC Fantasia e Costa Favolosa têm capacidade para 8,6 mil passageiros. São números expressivos de um segmento no qual a Secretaria do Turismo da Bahia (Setur) aposta e mantém uma série de ações com o objetivo de ampliar a oferta de roteiros e escalas para o próximo verão.

Durante visita ao Porto de Salvador, nesta quarta-feira (16), o secretário estadual do Turismo, José Alves, disse que a Setur e a Bahiatursa buscam aperfeiçoar a hospitalidade, oferecendo receptivos especiais. Ao mesmo tempo, a secretaria está empenhada na ampliação do número de escalas e oferta de novidades, como a inclusão de novos destinos nos roteiros. Porto Seguro e a Ilha de Itaparica são algumas das alternativas em discussão. “Trabalhamos continuamente, e Itaparica já desperta o interesse da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos [CLIA Brasil] e empresas associadas”, disse.

O presidente da Clia Brasil, Marco Ferraz, mantém a perspectiva de expansão da oferta de escalas na Bahia, assim como a Associação Brasileira das Empresas Marítimas (Abremar) e a MSC. “Nosso diálogo com o segmento está estabelecido há mais de dois anos e oferece possibilidade de ampliação da oferta, importante para o turismo e geração de empregos”, acrescentou o subsecretário da Setur, Benedito Braga.

O trabalho da Setur na implementação do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur) também contribui para o aperfeiçoamento da infraestrutura e oferta de serviços turísticos de alta qualidade. “Todos os destinos da Baía de Todos-os-Santos serão beneficiados”, assinalou o subsecretário.

Receptivo e pesquisa – Durante toda a temporada, até abril, os cruzeiristas que desembarcam dos navios em Salvador contam com um receptivo especial, com baianas, distribuição de fitinhas do Bonfim e música, realizado pela Setur/Bahiatursa. Outra iniciativa é a realização da pesquisa para identificar o perfil do turista que visita a Bahia por via marítima e dará dimensão do impacto econômico da atividade.

Segundo Benedito Braga, com o estudo, a Setur também vai identificar os hábitos do visitante e colher avaliações sobre serviços e equipamentos turísticos. “De posse dessas informações, será possível investir na melhoria contínua dos serviços turísticos ofertados tanto pela Setur quanto pela iniciativa privada, por meio de qualificação e outras ações em parceria com o trade”, explicou.

De acordo com dados da Companhia das Docas do Estado (Codeba), estão previstas cerca de 70 escalas de navios na Bahia durante essa temporada. São esperados mais de 240 mil turistas de cruzeiro em Salvador e Ilhéus. O incremento médio é de 7%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.