DOS ANJOS ENQUADRA COLBY COVINGTON EM COLETIVA

DOS ANJOS ENQUADRA COLBY COVINGTON EM COLETIVA

Aos poucos, Rafael dos Anjos vai mostrando a Colby Covington que a estratégia de provocá-lo e tentar intimidá-lo pode não ser a melhor. Durante uma teleconferência de imprensa realizada na última quinta-feira, os dois lutadores trocaram farpas durante todo o tempo, mas o brasileiro, que não é conhecido por seu “trash talk”, levou a melhor, deixando o americano – que insistia em chamá-lo de “Ralphie”, perdido com sua argumentação.

Confira a troca de provocações:

RAFAEL DOS ANJOS – “Eu cresci no Brasil, nas favelas. Valentões e provocadores não funcionam comigo. Acho que Colby só está tentando ser Conor McGregor. Mas Conor faz isso bem. Ele está rico, é um homem de negócios. Eu respeito isso. Já o Colby é só uma versão piorada de Conor. Ele tenta ser como Conor, mas quando perder para mim, sua carreira estará acabada. Ele só fala, mais nada.”

COLBY COVINGTON – “Você não acredita em uma só palavra que sai da sua boca, Ralphie. Sejamos honestos, você não tem nada para me ensinar. Já fui mais ao Brasil que você. Você mora nos EUA, terra dos livres e casa dos bravos.”

RAFAEL DOS ANJOS – “Essa piada é velha, é do Conor McGregor. Você precisa criar algo novo. Você é muito falso. Eu estou prestes a me tornar uma lenda, conquistando dois cinturões. E você? Vive dizendo que vai dizer alguma coisa na cara de Joe Rogan (comentarista do UFC), mas não faz nada quando está frente a frente. Só baixa a cabeça e fica olhando para o seu telefone. Fica olhando para o chão e não faz nada. Nem olha para os lados.”

COLBY COVINGTON – “É, eu sou um lutador profissional…”

RAFAEL DOS ANJOS – “Você não é nada. Se você quer bancar o “bad boy”, seja isso o tempo todo. Não seja falso.”

COLBY COVINGTON – “Eu não sou falso. Sou o mais real possível.”

RAFAEL DOS ANJOS – “Não é, não. Você é um covarde. Você sabe que é. Eu sou um lutador frio. Não tenho emoções. Quando entro no octógono, só penso em machucar meu rival e fazê-lo desistir. Sangue frio. Sempre. Todos viram na coletiva em Nova York. Quando esse cara vê alguém, ele gruda a cara no celular e nem olha para os lados. Quando ele está nas redes sociais, tem uma coragem imensa. Mas na hora da luta, o corajoso murcha. Eu vou mostrar quem ele é.”

COLBY COVINGTON – “Você não pode estar acreditando no que está dizendo, Ralphie. Vamos ser honestos, você foge dessa luta comigo desde Singapura, em junho de 2917. Nós devíamos ter lutado lá, mas você foi para o card preliminar para não me enfrentar. Você disse: ‘Colby? Tenho que procurar no Google quem é esse cara.’ Me procura agora, otário!”

RAFAEL DOS ANJOS – “Ei, garotinho! Vou te bater semana que vem… – finalizou o brasileiro.”

UFC 225

9 de junho de 2018, em Chicago (EUA)

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):

Peso-médio: Robert Whittaker x Yoel Romero

Peso-meio-médio: Rafael dos Anjos x Colby Covington

Peso-pena: Holly Holm x Megan Anderson

Peso-pesado: Andrei Arlovski x Tai Tuivasa

Peso-meio-médio: Mike Jackson x CM Punk

CARD PRELIMINAR (19h15, horário de Brasília):

Peso-pesado: Alistair Overeem x Curtis Blaydes

Peso-palha: Cláudia Gadelha x Carla Esparza

Peso-pena: Ricardo Lamas x Mirsad Bektic

Peso-pesado: Rashad Coulter x Chris de la Rocha

Peso-meio-pesado: Rashad Evans x Anthony Smith

Peso-mosca: Joseph Benavidez x Sergio Pettis

Peso-leve: Clay Guida x Charles do Bronx

Peso-pena: Mike Santiago x Dan Ige

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.