ODEBRECHT ESTUDA VENDER AÇÕES DA BRASKEM PARA SE CAPITALIZAR

ODEBRECHT ESTUDA VENDER AÇÕES DA BRASKEM PARA SE CAPITALIZAR

O grupo Odebrecht está estudando a venda de uma parcela das ações da Braskem como forma de se capitalizar. Mas isso só seria feito após a oferta global de venda da participação acionária da Petrobras.

A Braskem e a Petrobras vão fazer a megaoferta global de ações, de 36% em poder da estatal, que será lançada até a março e concretizada até julho.  A aposta da Odebrecht é que o valor de mercado da Braskem, hoje avaliada em R$ 40 bilhões em bolsa, fique ainda maior.

A Odebrecht poderia então vender apenas parte das ações e ficar como controladora minoritária da empresa. A questão principal é não perder a posição de poder e monetizar parte do valor do ativo

Atualmente, as ações detidas da petroquímica estão todas presas em garantias bancárias para empréstimos de R$ 7 bilhões. Para qualquer transação, é preciso antes negociar com as instituições credoras. De comum acordo com elas, a Odebrecht pode vender parte desses papéis e usar para amortizar os compromissos cobertos. Com informações do Valor Econômico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.