CONFIANÇA DA INDÚSTRIA RECUA PARA PATAMAR DE 2017, DIZ FGV

CONFIANÇA DA INDÚSTRIA RECUA PARA PATAMAR DE 2017, DIZ FGV

O índice que mede a confiança da Indústria, da Fundação Getulio Vargas (FGV), recuou 2 pontos em outubro, para 94,1 pontos – o menor desde setembro de 2017 (93,4 pontos). Com o resultado, o índice atinge sua terceira queda consecutiva e acumula perda de 6 pontos, apurou o G1.

Segundo Viviane Seda Bittencourt, coordenadora das Sondagens da FGV IBRE, a queda da confiança da indústria pelo terceiro mês consecutivo e a disseminação por quase 60% dos segmentos industriais foi influenciada pela deterioração no ambiente de negócios. “A piora do cenário externo e o câmbio parecem ter peso adicional negativo na demanda, gerando efeito redutor nas expectativas de produção. A proximidade do fim do processo eleitoral parece já gerar um efeito positivo nos empresários, mas ainda insuficiente para reverter a tendência de queda da confiança no setor”, afirma.

O índice da situação atual caiu 2,3 pontos, para 92,9 pontos, a terceira queda consecutiva, retornando ao patamar de setembro de 2017 (90,8 pontos). O movimento de queda afetou 9 dos 18 segmentos pesquisados. O índice de expectativas recuou 1,6 ponto, para 95,5 pontos, o menor desde agosto de 2017 (94,8 pontos). A queda atingiu 11 dos 19 segmentos industriais pesquisados. O nível de utilização da capacidade instalada recuou 0,5 ponto percentual, para 76,4%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.