Rejane Gomes Carvalho

REJANE GOMES: A REFORMA TRABALHISTA NO BRASIL E OS IMPACTOS SOBRE O TRABALHO FEMININO

            Longe de expressar um ambiente de igualdade, o mercado explicita as diferenças nas condições de trabalho por gênero, raça, instrução e idade. Neste sentido, não é a flexibilização das relações de trabalho, como símbolo de modernização, que vai proporcionar mais equidade no mercado de trabalho. As mulheres aparecem como um dos segmentos mais afetados, uma vez que representam grande parte da força de trabalho desempregada, na informalidade e sem

REJANE GOMES: OS MILHÕES DE “BATALHADORES” NA POBREZA E NA INFORMALIDADE

Os indicadores sociais e econômicos são explícitos em demonstrar a difícil situação de milhares de pessoas em busca de ocupação no mercado de trabalho, o que está longe de ser umasituação conjuntural, mas já consolida-se como a nova configuração das condições de trabalho que vêm ampliando as modalidades de trabalho instáveis e sem proteção social. Em um país que tem a desigualdade social como a marca do seu desenvolvimento, as

REJANE GOMES CARVALHO : AS FRAGILIDADES DA INSERÇÃO DA FORÇA DE TRABALHO FRENTE AO ELEVADO DESEMPREGO

O alto índice de desemprego deve ser encarado com grande preocupação, tendo em vista afetar diretamente a vida de milhões de brasileiros e suas condições de sobrevivência. Não ter renda para contemplar as despesas de alimentação, moradia, transporte e a formação dos filhos é uma situação desesperadora, provocando a desestruturação financeira e emocional das famílias. Além disso, o baixo consumo das famílias e o aumento do endividamento prejudica diretamente os

REJANE GOMES CARVALHO: DESEMPREGADOS SE “VIRAM” NA INFORMALIDADE E POR CONTA PRÓPRIA EM BUSCA DE SOBREVIVÊNCIA

O desempenho da economia brasileira não tem sinalizado melhoria quanto à criação de emprego e renda, apesar dos indicadores do PIB terem apontado valor positivo no segundo trimestre de 2019, um resultado pífio diante das altas taxas de desemprego e da queda do poder aquisitivo das pessoas nos últimos meses.Ademais, as projeções para o crescimento da economia vêm sendo revisadas para baixo e os setores produtivos confirmam a desconfiança na

REJANE GOMES : OS DESAFIOS DO EMPREENDEDORISMO FEMININO NAS ATIVIDADES PRODUTIVAS

O desempenho dos pequenos empreendimentos no Brasil vem sendo impulsionado em atividades variadas no comércio, educação, cuidados e produção de bens e serviços, constituindo importante forma de inserção produtiva e de trabalho para milhares de pessoas, especialmente, em momentos de crise em que se observa a diminuição das ocupações formais. As mulheres têm se destacado com atividades que podem contemplar desde o artesanato até pequenas produções de alimentos e têxteis,

REJANE CARVALHO: A IGUALDADE DE GÊNERO NO TRABALHO

No ano de 2015, foi definida a nova agenda de desenvolvimento sustentávelnuma assembleia geral das Nações Unidas que reuniu cerca de 193 países. Na ocasião foi confirmada uma cooperação internacional para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – ODS, que comtemplam 17 objetivos e 169 metas, visando não somente dar continuidade aos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio – ODM, mas buscar novos desafios no âmbito da Agenda 2030, que

REJANE GOMES: CRESCE O DESEMPREGO E O TRABALHO INFORMAL NO PAÍS

A situação do mercado de trabalho no Brasil tem sido pouco satisfatória nos primeiros meses de 2019. De acordo com a PNAD Contínua, do IBGE, a taxa de desemprego ficou em 12,7% de janeiro a março, maior do que a verificada no final de 2018. Este resultado representa cerca de 13,4 milhões de pessoas sem emprego, um aumento de 1,2 milhão em relação ao trimestre anterior. Embora estejam aptos e

REJANE GOMES: DESAFIOS PARA A INSERÇÃO DOS JOVENS NO MERCADO DE TRABALHO NA PARAÍBA

A estrutura do mercado de trabalho vem apresentando transformações importantes, especialmente com os avanços das tecnologias da informação em todos os setores, o que afeta significativamente os segmentos considerados mais vulneráveis, como os jovens e as mulheres. Além da exigência de qualificação profissional, impõe-se um perfil de trabalhador mais flexível, competente e proativo. Por isso, deve-se considerar as mudanças na estrutura do mercado de trabalho paraibano e avaliar os fatores

REJANE G. CARVALHO: CONFIGURAÇÃO DO EMPREGO NA PARAÍBA NO CONTEXTO DIGITAL

As condições de absorção da força de trabalho vêm apresentando sensíveis mudanças com a ampliação das novas tecnologias da informação em todos setores produtivos, de modo a exigir trabalhadores mais qualificados e flexíveis, não só quanto às relações formais, mas especialmente na descoberta de novas ocupações que podem estar relacionadas ao mundo dos serviços e até contemplar o trabalho autônomo ou a informalidade. Neste contexto, deve-se estar atento para a