José Maciel dos Santos Filho

JOSÉ MACIEL - O PROJETO CACAU 500

No dia 15 de setembro último, assistimos uma “live” coordenada pelos engenheiros agrônomos da CEPLAC Antônio Zugaib, Geraldo Landim  e Ivan Souza, abordando o  chamado Projeto CACAU 500, que visa, entre outros objetivos, a obtenção de altos níveis de produtividade dos cacauais, de forma escalonada  até alcançar a marca de 500 arrobas por hectare (500@por ha), redução de custos unitários e aumento das receitas e da lucratividade. Outros técnicos igualmente

JOSÉ MACIEL- UNIÃO  EUROPEIA PODE  DIFICULTAR IMPORTAÇÕES DE COMMODITIES BRASILEIRAS

A União Europeia é um grupo de nações   com grandes volumes de subsídios concedidos ao agronegócio, promovendo distorções do comércio, e dificultando o acesso do Brasil e outros países exportadores aos seus mercados e a terceiros mercados nos quais  concorremos com eles, neste caso por conta de pesados subsídios endereçados às exportações daquele universo de países. Em termos de subsídios agrícolas , os países desenvolvidos destinam um orçamento médio de

JOSÉ MACIEL - É PRECISO CONCLUIR O CADASTRO AMBIENTAL RURAL

Criado pelo Código Florestal ( Lei 12.651, de 2012, artigo 29), no âmbito do Sistema Nacional de Informações sobre o Meio Ambiente, o Cadastro Ambiental Rural – CAR é um registro público eletrônico de abrangência nacional, auto declaratório e obrigatório para todos os imóveis rurais, destinado a integrar as informações ambientais de propriedades e posses rurais relativas à situação das áreas de Preservação Permanente , das áreas de Reserva Legal,

JOSÉ MACIEL- INFORMAÇÕES E PROJEÇÕES PARA O AGRONEGÓCIO

Apesar do atual contexto da pandemia,  das pressões de investidores estrangeiros aceca da política ambiental e do desmatamento , mormente na Amazônia, e de ameaças de boicotes por parte de empresas importadoras e de varejo, mais concentradas na Europa, as informações, cenários e projeções concernentes ao nosso agronegócio parecem animadoras, ao menos no presente e no horizonte de curto e médio prazos. Devemos antecipar , contudo,  que isso não autoriza

JOSÉ MACIEL - AS CARTAS E O DESMATAMENTO

A política ambiental brasileira vem sendo questionada desde o ano passado com o aumento das queimadas na Amazônia. Este ano, as manifestações  se intensificaram, no final de junho e início de julho, com a elaboração de cartas por fundos de investidores estrangeiros, empresas e entidades empresarias atuando no Brasil, e ex-ministros da Fazenda e ex-presidentes do Banco Central, pedindo atuação mais firme no combate ao desmatamento. As duas primeiras foram

JOSÉ MACIEL- POLÍTICA AMBIENTAL PODE PREJUDICAR O AGRONEGÓCIO

Apesar das projeções sombrias para a economia brasileira por conta da pandemia, o nosso agronegócio segue sua trajetória de expansão, tendo crescido 3,78% no primeiro quadrimestre deste ano , em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados do CEPEA e da CNA.  O avanço foi impulsionado sobretudo pelos segmentos “dentro da porteira”: a agricultura cresceu 1,72% e a pecuária avançou 8,01%, Ressalte-se ainda que todos os demais segmentos mostraram expansão

JOSÉ MACIEL - PLANO SAFRA 2020/2021 PRIORIZA SEGURO RURAL E AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

O governo federal lançou no último dia 17  o Plano Safra para a temporada 2020/2021, com recursos da ordem de 236, 3 bilhões de reais  (um aumento de  13,5 bilhões em relação ao ciclo anterior) e  vigência  entre 01 de julho deste ano e 30 de junho de 2021. Do total, em termos aproximados, 179 bilhões foram destinados para operações de custeio e comercialização (5,9% a mais em relação à

JOSÉ MACIEL - EXPORTAÇÕES DO AGRONEGÓCIO EM TRAJETÓRIA ASCENDENTE E CONCENTRADA

Nos primeiros cinco meses   deste ano, as vendas externas do agronegócio nacional somaram a expressiva cifra de 42 bilhões de dólares, representando um incremento de quase 8% em relação  a idêntico período do ano  passado. O volume embarcado aumentou cerca de 13,7%, ante um recuo de 5,1% no índice de preços. O volume recorde de exportações ajudou a reforçar a importância do setor agropecuário para a nossa balança comercial num

JOSÉ MACIEL - PREOCUPAÇÕES RECENTES COM O AGRONEGÓCIO

As análises mais recentes apontam o agronegócio como o único a crescer este ano. Todos os demais sofrerão retração . fazendo o PIB despencar, com projeções acima de 5% negativos. Duas  notícias dessa semana ajudam na direção dessa expectativa: a  primeira é que o IPEA admite um crescimento de até 2,5% para o setor  agropecuário este ano, A outra, também do Valor Econômico, dá conta que a China vai elaborar planos de

JOSÉ MACIEL - AGRONEGÓCIO BRASILEIRO CRESCE 2,42% NO PRIMEIRO BIMESTRE

O PIB do agronegócio brasileiro cresceu 2,42% no acumulado de janeiro e fevereiro de 2020 em relação ao mesmo período de 2019, segundo estudos da CNA e do CEPEA-Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada , da ESALQ/USP. O resultado foi impulsionado pelo segmento primário (“dentro da porteira”), com 3,86%, pelo setor serviços, com 2,72% e pelo segmento agroindústria , a jusante, com 1,37%. Já o setor “insumos teve queda