ARMANDO AVENA: O TURISMO E AS ESTATÍSTICAS

  Todo cuidado com os números é pouco, pois a estatística, quando torturada, confessa qualquer coisa. E na Bahia a estatística nem sempre é levada à sério, pois alguém chuta um número e ele se dissemina por toda parte como se fosse uma verdade universal.  Aqui disseminou-se, por exemplo,  que para cada emprego direto gerado, são gerados 3  empregos indiretos e todo mundo faz a multiplicação para calcular o impacto na economia.

ARMANDO AVENA: SALVADOR: A ECONOMIA DA PERIFERIA

No mundo da globalização, o local é cada dia mais importante. Paradoxalmente, embora o consumidor possa com um leve toque no celular comprar produtos em qualquer parte do mundo, o mercado local de lojas e serviços, especialmente na periferia das cidades, não para de crescer. O chamado e-commerce cresce em toda à parte, mas nas periferias dos grandes centros também se desenvolve cada vez mais aquilo que se pode chamar

WANDERLEYA FARIAS: A NOVA AGENDA URBANA E AS BOAS PRÁTICAS DOS GOVERNOS LOCAIS

A Conferência das Nações Unidas sobre Habitação e Desenvolvimento Urbano Sustentável (Habitat III), que ocorreu em Quito (Equador) em 2016, aprovou a Nova Agenda Urbana (NAU), que constituiu um importante documento para referenciar as políticas e estratégias de renovação urbana das cidades nos contextos global e local. A NAU é uma agenda que adota o conceito de direito à cidade como referência para a construção de um ambiente urbano digno

ADARY OLIVEIRA: A NEGOCIAÇÃO E A VERDADE VERDADEIRA

Hoje em dia, uma das palavras mais usadas do dicionário é negociação. Fala-se da negociação no ambiente familiar, visando harmonizar as diferentes vontades e desejos. A negociação no trabalho, diante de diversos valores e dos distintos caminhos para se chegar ao melhor resultado. Na política prevalecem os empenhos em defesa de interesses pessoais, coletivos, regionais, econômicos, partidários. Nas comunidades discorre-se sobre o que é mais importante fazer em primeiro lugar,

ARMANDO AVENA: A BALEIA DE PAULO GUEDES

Uma baleia ferida e arpoada várias vezes pode fazer coisas que Deus duvida. Os tripulantes do baleeiro Essex sentiram isso na pela, quando  caçavam baleias na costa de Massachusetts, nos Estados Unidos, no longínquo  ano de 1820. Os marinheiros do navio de 27 metros estavam em alto mar quando viram um grupo numeroso de baleias e imediatamente lançaram seus arpões. Dezenas de baleias foram atingidas e, entre elas, um cachalote

PAULO AMILTON : E DE NOVO A VELHA RETÓRICA DA NOVA POLÍTICA

Os economistas clássicos denominavam, originalmente, a ciência econômica como Economia Política. A palavra economia vem do grego oikonomein, onde oikos significa casa e nomeingerenciar. Era a arte de administrar os poucos recursos da casa para que seus habitantes desfrutassem da maior quantidade possível desses com o objetivo de mantê-los vivos o maior tempo possível. Na moderna acepção do termo, e da ciência, é a arte de otimizar a utilização dos

ADARY OLIVEIRA : O CANTO DAS SEREIAS

A mitologia grega está recheada de belas fábulas que em muitos casos retratam com perfeição a realidade de nossos dias. Contam que uma ilha do Mar Mediterrâneo era habitada por lindas sereias de cantos tão maviosos que eram irresistíveis para os sedentos navegantes que passavam por suas proximidades. Entretanto, quando se dirigiam à ilha seus barcos chocavam-se contra recifes e eles naufragavam. Ulisses, famoso herói homérico de Odisseia, criou uma

WILSON F. MENEZES : REFORMA DA PREVIDÊNCIA OU RECESSÃO E CRISE ECONÔMICA

Remédios podem ser amargos, mas nem por isso deixam de ser necessários. Esse é o caso da reforma da previdência brasileira. Pode-se optar pelo sistema de repartição ou capitalização, pode-se elevar a idade para que se possa aposentar, pode-se aumentar o tempo de contribuição para se obter uma aposentadoria, pode-se…, mas, não se pode deixar de fazê-la. Caso contrário, ficam impossibilitadas todas as ações atrativas que possibilitem alavancar nosso crescimento

ADARY OLIVEIRA: A VENDA DA BRASKEM

Euvaldo Luz foi um dos sete empresários agraciados com a Medalha do Mérito Empresarial Conde dos Arcos pela bicentenária Associação Comercial da Bahia, devido à sua notável conduta pública e por ter prestado relevantes serviços ao desenvolvimento econômico, social e cultural da Bahia através de sua ação empreendedora. Entre outras atividades notabilizou-se prestando serviços aos americanos fazendo reparo naval em seus navios durante a Segunda Guerra Mundial, serviço que continuou

JOSÉ MACIEL: SUGESTÕES PARA OS PRÓXIMOS "PLANOS SAFRA"

Contrariamente ao que ocorre em outros países, o Brasil tem adotado o Plano Safra como principal instrumento de planejamento agropecuário, com horizonte temporal anual ou de um ciclo agrícola, sendo lançado e começando sua vigência  habitualmente em julho de cada ano. Nesse Diploma, estão explicitados os volumes do crédito rural para as diversas modalidades,com os encargos e juros, inclusive os volumes de financiamento às taxas de juros controlados. Alguns programas