NIKON COOLPIX B500: VEJA SE AINDA VALE A PENA COMPRAR A CÂMERA

NIKON COOLPIX B500: VEJA SE AINDA VALE A PENA COMPRAR A CÂMERA

Nikon Coolpix B500 é uma câmera superzoom da Nikon lançada em 2016 que se destaca por unir uma série de recursos comuns em modelos profissionais com a facilidade de uso. Equipada com lente fixa que promete zoom óptico de 40x, a máquina tem sensor de 16 megapixels, seletor de modos e suporte para fotos em RAW. O aparelho pode ainda gravar vídeos em Full HD a 60 quadros por segundo. A câmera está disponível para comprar no Brasil por preços a partir de R$ 1.179 de acordo com o Compare TechTudo. Confira a seguir mais detalhes a respeito da B500 e saiba se ela é uma boa opção de compra para você.

Ficha técnica

  • Preço: R$ 1.179
  • Sensor: CMOS de 1/2,3 polegadas de 16 megapixels
  • ISO: 125 a 1600 (6400 no modo automático)
  • Visor: LCD de 3’’
  • Vídeo: Full HD a 60 FPS
  • Velocidade do obturador: 1/5000 a 1 seg
  • Lente: Nikkor com zoom ótico de 40 vezes, fixa
  • Bateria: EN-MH2
  • Dimensão: 113,5 x 78,3 x 94,9 mm
  • Peso: 542 gramas

Design

A Nikon Coolpix B500 apresenta design ergonômico, e está à venda nas cores preto, vermelho e rosa. Suas dimensões são 113,5 x 78,3 x 94,9 mm e seu peso é de 542 gramas, sendo mais fácil de transportar que uma câmera profissional, por exemplo. Esses modelos costumam ser mais pesados, assim como suas lentes e acessórios. Apesar disso, o peso de 542 gramas é semelhante ao de algumas DSLR de entrada, como é o caso da Rebel T5i, com 526 gramas. A Nikon também não oferece bolsa para transporte junto ao produto, sendo necessário comprar o estojo à parte.

Visor

A B500 tem visor retrátil de 3 polegadas que, no entanto, não é sensível ao toque. A tela funciona para acompanhar o enquadramento, visualizar as fotos produzidas pela câmera e ter acesso a informações de interface, menu e configurações. Isso acaba restringindo a interação com o sistema e as configurações ao uso dos botões que estão disponíveis na câmera. A tela promete qualidade na reprodução das imagens, já que tem aproximadamente 921 mil pixels e oferece revestimento antirreflexo para facilitar o uso mesmo em ambientes com muita iluminação.

Desempenho

A câmera da Nikon faz parte da linha de superzooms da marca, voltada para usuários que pensam em fotografar de vez em quando ou profissionais que precisam de uma câmera reserva mais simples. O modelo tem um sensor de 16 megapixels e faixa de ISO que se estende de 125 a 6400, além de um diafragma que trabalha com aberturas entre f/3 e f/6.5. O obturador, por sua vez, tem velocidade de 1/1500 a 1 segundo. Mas o grande destaque da máquina é sua alta capacidade de zoom: a lente do aparelho garante zoom óptico de 40x ou digital de 4x. Já para vídeos, a B500 traz resolução Full HD a 60 fps.

Mesmo sendo um modelo de entrada, a Coolpix tem recursos que até pouco tempo estavam disponíveis apenas em equipamentos profissionais, como a geração de arquivos em RAW e os modos pré-definidos de fotografia – automático, esportes e cena. A câmera também oferece o modo automático clássico, em que o próprio sistema se responsabiliza pelas variáveis envolvidas em cada clique.

Portas e conectividade

A máquina é bem servida de interfaces. Há leitor de cartões SD para o armazenamento de arquivos, conectividade Wi-Fi, Bluetooth e NFC, além de entrada micro HDMI e porta USB. Dessa forma, o consumidor pode acessar arquivos da câmera por interfaces sem fio, facilitando o compartilhamento dos conteúdos nas redes sociais. Também é possível transferir as fotos e vídeos de forma mais tradicional, plugando a câmera ou o leitor de cartões a um computador. Outra possibilidade é reproduzir os cliques em uma TV ou monitor maior por meio do micro HDMI.

Bateria

O aparelho é vendido pela Nikon com pilhas, que segundo a marca são apenas para testes. Ainda de acordo com a fabricante, a máquina deve ser capaz de fazer 600 fotos com pilhas alcalinas. Quem preferir pode comprar as baterias EN-MH2, compatíveis com o modelo. Com essa opção, a câmera deve capturar 1.240 fotografias por carga.

Recursos

A Coolpix B500 tem autofoco similar ao que se usa nos celulares, além de seletor de modos de fotografia, interessante para quem tem mais confiança e prefere desligar o modo automático. Apesar de simples, essas duas características aproximam o modelo de uma DSLR ou mirrorless profissional. A câmera também é compatível com a tecnologia Snapbridge. Usando Bluetooth, a máquina pode ser conectada aos aplicativos oficiais da Nikon para controle remoto e fácil compartilhamento de arquivos entre dispositivos.

Acessórios

Ao contrário de câmeras profissionais, a Coolpix não permite a troca de lentes. Mas ainda assim há alguns acessórios que podem tornar o uso da câmera mais conveniente. Estojos, carregadores e alças de transporte são exemplos de itens colocados à venda pela Nikon para o modelo. Quem quiser também pode investir em um tripé com encaixe 1/4 (ou padrão 1222 ISO).

Preço e disponibilidade

Embora a Nikon tenha saído recentemente do mercado nacional, a Coolpix B500 pode ser encontrada com facilidade no varejo nacional. Segundo o Compare TechTudo, o produto está disponível por a partir de R$ 1.179. Vale lembrar que esse valor pode mudar sem aviso prévio, uma vez que os preços são de responsabilidade das próprias lojas revendedoras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *