APÓS COTAÇÃO RECORDE NA VÉSPERA, DÓLAR SEGUE PATAMAR DE R$ 4,20

APÓS COTAÇÃO RECORDE NA VÉSPERA, DÓLAR SEGUE PATAMAR DE R$ 4,20

O dólar opera em alta nesta sexta-feira (14), chegando a atingir R$ 4,21, com a cena eleitoral doméstica mantendo os investidores cautelosos em dia de novas pesquisas eleitorais sobre a corrida presidencial. Na outra ponta, o cenário externo mais tranquilo e a forte elevação nos últimos dias pode gerar alguma correção, segundo a Reuters. No dia anterior, a moeda fechou na maior cotação desde o início do Plano Real.

Às 10h, a moeda norte-americana subia 0,2%, negociada a R$ 4,2034 na venda. Na máxima do dia, o dólar chegou a atingir R$ 4,2103. Na véspera, o dólar encerrou o dia em alta de 1,11%, a R$ 4,1952, novo recorde histórico de fechamento. Antes disso, a maior cotação havia sido em 21 de janeiro de 2016, quando a moeda chegou a R$ 4,1631. O maior valor intradia, entretanto, foi o registrado no dia 24 de setembro de 2015, quando o dólar chegou a R$ 4,2484.

Nas casas de câmbio, o dólar turismo já é negociado acima de R$ 4,60 no cartão pré-pago, considerando a cobrança de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). No acumulado do ano, a moeda dos EUA tem valorização de mais de 26% em relação ao real. No mês de setembro, o avanço é de mais de 3%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *