COLUNISTAS
FRASE DO DIA

“Essa é última etapa para o processo de credenciamento para o serviço de mototáxis, que passa a ser uma realidade em nossa capital. Esse sempre foi o nosso objetivo, harmonizar os modais de transporte,”

Fábio Mota
Secretário de Mobilidade Urbana de Salvador 
CUSTO INDUSTRIAL NO BRASIL CRESCE 0,1% NO 4º TRI DE 2016, DIZ CNI
20/04 - 13:00hs -
 

 
Os custos industriais no Brasil permaneceram estáveis no último trimestre do ano passado enquanto os preços dos produtos voltaram a crescer, de acordo com pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 20, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). O indicador de custos medido pela entidade aumentou apenas 0,1% de outubro a dezembro de 2016, na comparação com os três meses anteriores.
 
No mesmo período, o preço dos bens fabricados no País subiu 0,5%, no que foi o quinto trimestre consecutivo em as companhias recuperaram lucratividade - algo que não acontecia desde 2010. A indústria nacional também teve ganho de competitividade em relação aos produtos manufaturados importados, cujos preços em reais aumentaram 0,6% no último trimestre de 2016. Considerando apenas os bens fabricados nos Estados Unidos, o aumento de preço foi de 1,8% no período.
 
Mas, devido à valorização do real em relação ao dólar, a recuperação no fim de 2016 não foi suficiente para compensar a perda de competitividade ao longo do ano. Na comparação com o último trimestre de 2015, os custos industriais no Brasil caíram 0,2%, mas o preços dos produtos importados recuou 19,4%.(A Tarde/ESP)



 








Rua Dr. José Peroba, 297, edf. Atlanta Empresarial, sala 1503 - Stiep - Salvador CEP: 41.770 - 235 - Tel: 3037 - 2960