COLUNISTAS
 

MILTON CEDRAZ - OS DESPUDORADOS
ARMANDO AVENA - JANOT X TEMER OU O CRIME COMPENSA
JOSÉ MACIEL - BAHIA PODERÁ TER INVESTIMENTO DE R$ 160 MILHÕES


BUSCA
 



ENTREVISTAS
 


JOSÉ JÚLIO SENA - A RECESSÃO NÃO ACABOU


SEU INVESTIMENTO
 


64% DOS BRASILEIROS QUE TEM RESERVA FINANCEIRA ESCOLHEM A POUPANÇA




FRASE DO DIA
 


“Há um clamor de mudança e renovação no coração dos baianos”

ACM Neto
Ptrefeito de Salvador, falando sobre a possibilidade de ser candidato ao governo do estado em 2018







NOTÍCIAS
 
VEREADORES DISCUTEM PRÉVIAS NO CARNAVAL 2015
09/02 - 18:49hs -


 

A realização de prévias do Carnaval em vários bairros da cidade no final de semana, como a apresentação do Furdunço, na Barra, da Levada do Jegue, na Ribeira, e o Imbuí Folia, foi tema de vários pronunciamentos de vereadores na sessão ordinária desta segunda-feira (9) na Câmara Municipal de Salvador. “É a prova de que para o povo se divertir não precisa de megaestrutura, de camarote”, frisou Arnando Lessa (PT).
 
Ele chamou atenção também para a importância do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado no mesmo dia pelo Ministério Público, Conselho Municipal do Carnaval (ComCar) e Empresa de Turismo de Salvador (Saltur), definindo normas rígidas para impedir manobras que favoreçam algum bloco. “Não podemos admitir que determinados artistas tenham privilégios”, sustentou Lessa.
 
Ex-dirigente do órgão municipal de turismo, o vereador Claudio Tinoco (DEM) parabenizou a prefeitura e o governo estadual pela iniciativa de antecipar as apresentações de blocos para criar o clima de Carnaval na cidade, o que agrada sobretudo aos turistas que ficam em média sete dias na cidade. “O Carnaval de Salvador reúne dois milhões de pessoas nas ruas e espero que sejam dias de paz, sem violência”, frisou.
Negritude
 
Luiz Carlos Suíca (PT) referiu-se também a manifestações populares na Liberdade e São Cristóvão: “Temos que incentivar o Carnaval multicultural nos bairros mais populares, pois nem sempre as pessoas podem se deslocar para o Centro da cidade”. O vereador parabenizou a secretária estadual de Promoção da Igualdade Racial, Lucinha Barbosa, pelos investimentos no “Carnaval da negritude”, incluindo o Cortejo Afro: “Precisamos valorizar mais a participação dos blocos de matriz africana no Carnaval de Salvador”. Moisés Rocha (PT) foi outro que destacou a importância dos blocos de matriz africana e reclamou da qualidade das atrações escaladas para o Carnaval nos Bairros, que segundo ele “não motivam ninguém a comparecer”.


 





Rua Dr. José Peroba, 297, edf. Atlanta Empresarial, sala 709/710 - Stiep - Salvador CEP: 41.770 - 235 - Tel: 3037 - 2960, Tel - 3565 - 2888