COLUNISTAS
 

MILTON CEDRAZ - OS DESPUDORADOS
ARMANDO AVENA - JANOT X TEMER OU O CRIME COMPENSA
JOSÉ MACIEL - BAHIA PODERÁ TER INVESTIMENTO DE R$ 160 MILHÕES


BUSCA
 



ENTREVISTAS
 


JOSÉ JÚLIO SENA - A RECESSÃO NÃO ACABOU


SEU INVESTIMENTO
 


64% DOS BRASILEIROS QUE TEM RESERVA FINANCEIRA ESCOLHEM A POUPANÇA




FRASE DO DIA
 


“Há um clamor de mudança e renovação no coração dos baianos”

ACM Neto
Ptrefeito de Salvador, falando sobre a possibilidade de ser candidato ao governo do estado em 2018







NOTÍCIAS
 
CARBALLAL DEVE DEIXAR O PT EM UMA SEMANA
05/02 - 07:20hs -
 

 
Está para ser definida, até a próxima semana, a situação do vereador de Salvador Henrique Carballal dentro do PT, legenda da qual faz parte desde os tempos de militância. O edil está prestes a ser expulso da sigla, após ter sido um dos integrantes da bancada da oposição na Câmara de Vereadores, que votou a favor de projetos do Executivo Municipal ano passado e apoiou a candidatura de Anderson Muniz (PTN) para deputado estadual, quando os petenistas ainda não haviam passado para a base do governo do PT.
 
Tal apoio foi o que lhe rendeu oficialmente o processo ao qual responde, pedindo sua saída. No entanto, há quem diga que o real motivo seria um atrito com o atual governador Rui Costa, que data desde que Rui era vereador de Salvador.

Informações chegadas à Tribuna dão conta que o próprio Carballal estaria negociando com o presidente estadual petista, Everaldo Anunciação, sua expulsão do partido.

Nos bastidores políticos, a informação que circula é de que Carballal já havia, há muito, se desentendido com o ex-presidente municipal do PT, Edson Valadares. Por conta dos atritos junto à oposição e a postura dos diretórios municipal e estadual, a executiva municipal suspendeu, no dia 07 de janeiro, os direitos políticos de Carballal.


 





Rua Dr. José Peroba, 297, edf. Atlanta Empresarial, sala 709/710 - Stiep - Salvador CEP: 41.770 - 235 - Tel: 3037 - 2960, Tel - 3565 - 2888